Sistema Cartográfico Metropolitano - SCM-BS

Apresentação

A Agência Metropolitana da Baixada Santista elaborou, no ano de 2002, em parceria com a Emplasa, cartas topográficas e mapas delas derivados, regionais e municipais, que constituem as bases sobre as quais se operacionalizaram levantamentos, cujos resultados se apresentam numa abordagem homogênea e articulada do território da Região Metropolitana da Baixada Santista. Para tanto, desenvolveu um mapeamento topográfico completo da Baixada Santista de forma sistemática, na escala padronizada 1:10.000, de acordo com as necessidades para projetos de engenharia e planejamento no território.

Considerando-se sua precisão, qualidade e quantidade de informações, o Sistema Cartográfico Metropolitano da Baixada Santista – SCM/BS é um instrumento útil para os vários níveis governamentais, acadêmicos, órgãos ou empresas que se utilizam da cartografia como ferramenta para seus projetos e trabalho.

Nesse sentido, a AGEM, de acordo com sua função institucional disponibiliza, mediante solicitação, as bases do Sistema Cartográfico Metropolitano, visando o atendimento para o desenvolvimento de trabalhos voltados para a geração de emprego e renda.

O Sistema Cartográfico elaborado pela AGEM contempla todas as necessidades para utilização em projetos de engenharia, loteamentos, projetos de drenagem, licenciamento ambiental, demarcação de terras, projetos topográficos, utilização em sistemas de informações geográficas – SIG’s, entre outros, além de ser considerado documento oficial com fé pública para efeito de utilização em procedimentos judiciais.

Todo o conjunto e os procedimentos cartográficos do SCM-BS – operações geodésicas, fotogramétricas, cartográficas e de sensoriamento remoto resultou em um mapeamento básico que serve para edição de um ou de vários tipos de cartas e mapas de qualquer natureza, como cartas básicas ou derivadas, cadastrais, topográficas, geográficas, especiais, temáticas, etc. Como abrange toda a área da Baixada Santista, o trecho de interesse do usuário pode ser verificado no cartograma específico, que é um mapa-índice que contém as informações sobre a abrangência de cada carta conforme sua escala de mapeamento.

O Sistema Cartográfico é composto por um conjunto de informações gráficas, fotográficas e cartográficas, tanto no formato analógico (papel), quanto no digital em arquivo .dwg (AutoCAD), que recobre uma área de 2.373 Km², compondo um conjunto de 128 mapas e 128 ortofotocartas, entre outras informações de cunho cartográfico.

Para se ter uma noção da precisão e capacidade do Sistema Cartográfico Metropolitano da Baixada Santista, basta exemplificar que da composição de apenas uma carta constam vários níveis de informação. É como se dizer que apenas um dos mapas é composto pela sobreposição de vários mapas transparentes que se sobrepõem, permitindo que se trabalhe com apenas uma das informações ou um conjunto delas conforme a necessidade do usuário.

A AGEM, como agência de desenvolvimento, dispõe de base cartográfica e de dados para apresentar aos interessados – empresários, municípios, imprensa entre outros, que estejam interessados em fazer investimentos e/ou no conhecimento da Região. Em muitos casos, o conjunto de informações que os interessados detêm, não são suficientemente claras e necessitam ser espacializadas, para possibilitar alguma decisão, quer seja de investimento ou de conhecimento.

Voltar para o topo